BR

Pedro Varella

PEDRO VARELLA
ARQUITETURA  / ARCHITECTURE

É arquiteto formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, com extensão acadêmica na Escola Nacional Superior de Arquitetura de Paris-Malaquais, na França. É mestre na área de Teoria do Projeto pelo Programa de Pós-Graduação em Arquitetura da UFRJ. Tem formação complementar pela Escola de Artes Visuais do Parque Lage, onde estudou entre 2007 e 2010. É coautor do livro Rio Metropolitano: Guia para uma Arquitetura (2013). É sócio fundador do gru.a (grupo de arquitetos), através do qual desenvolve projetos no campo da arquitetura e das artes visuais. Foi vencedor do Prêmio de Arquitetura do Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel de 2015 e indicado pelo colégio de arquitetos do Illinois Institute of Technology para o prêmio MCHAP (Mies Crow Hall Americas Prize) em 2016. Atualmente, é professor na unidade carioca do Instituto Europeu de Design.

Pedro Varella is an architect graduated from Universidade Federal do Rio de Janeiro, with an academic extension from École Nationale Supérieure d’Architecture Paris-Malaquais (France). He is a Professor in the field of Theory of Project for the postgraduate program in architecture at UFRJ. He has a complementary education from Escola de Artes Visuais do Parque Lage, where he studied between 2007 and 2010. He is a co-author of the book Rio Metropolitano: Guia para uma Arquitetura (2013). He is an associate founder of gru.a (group of architects), through which he develops projects in the fields of architecture and visual arts. He won the Prêmio de Arquitetura (architecture prize) from Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel in 2015 and was nominated by the architectural board of the Illinois Institute of Technology for the prize MCHAP (Mies Crow Hall Americas Prize) in 2016. Currently, he is a professor at the Rio de Janeiro cell of the European Institute of Design.


Marcos Chaves

MARCOS CHAVES
ARTES VISUAIS / VISUAL ARTS

Iniciou sua carreira artística nos anos 1980. Sua obra é marcada pela utilização de diversos suportes e mídias, transitando entre a produção de objetos, fotografias, vídeos, desenhos e sons. Participou da Manifesta 7 – The European Biennial of Contemporary Art, na Itália (2008), da 25ª edição da Bienal Internacional de São Paulo (2002) e da primeira e quinta edições da Bienal do Mercosul, em Porto Alegre (1997 e 2005, respectivamente). Seus trabalhos foram expostos em instituições e galerias internacionais, entre elas Mori Art Museum (Japão), Museum Ludwig (Alemanha), Vaanta Art Museum (Finlândia), S|2 Gallery (Estados Unidos), Galeria Blanca Soto Arte (Espanha) e Fundação Calouste Gulbenkian (Portugal). No Rio de Janeiro, já expôs no Museu de Arte Moderna, Centro Cultural Banco do Brasil, Museu de Arte do Rio e Museu Nacional de Belas Artes, além das galerias Laura Alvim, A Gentil Carioca e Artur Fidalgo. Em São Paulo, o Museu de Arte Moderna, o CCBB e o Museu da Imagem e do Som já exibiram suas obras. É representado pela Galeria Nara Roesler.

Started his artistic career in the 1980s. His works are noted for the use of various support systems and media, going through the production of objects, photography, videos, drawings and sounds. He was part of Manifesta 7 – The European Biennial of Contemporary Art, in Italy (2008), the 25 th International Biennial of São Paulo (2002) and of the first and fifth editions of the Mercosur Biennial, in Porto Alegre (1997 and 2005, respectively). His works have been exhibited in international institutions and galleries, among them Mori Art Museum (Japan), Museum Ludwig (Germany), Vaanta Art Museum (Finland), S|2 Gallery (USA), Galeria Blanca Soto Arte (Spain) and Fundação Calouste Gulbenkian (Portugal). In Rio de Janeiro, already exhibited at the Museu de Arte Moderna (Modern Art Museum), Centro Cultural Banco do Brasil, Museu de Arte do Rio and Museu Nacional de Belas Artes, and also the galleries Laura Alvim, A Gentil Carioca and Artur Fidalgo. In São Paulo, Museu de Arte Moderna, CCBB (Cultural Center Banco do Brasil), Museu da Imagem e do Som. He is represented by Galeria Nara Roesler.


Wagner Novais_1

WAGNER NOVAIS
CINEMA / FILM

Nascido na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, começou sua carreira em 2005, como promotor no projeto Cinema para Todos. É codiretor, em parceria com Manaíra Carneiro, de Fonte de Renda, um dos episódios do longa Cinco Vezes FavelaAgora por Nós Mesmos (2010), todos filmados por realizadores egressos de comunidades carentes do Rio de Janeiro. Produzido por Carlos Diegues e Renata Almeida Magalhães, o filme foi escolhido para a Seleção Oficial do Festival de Cannes de 2010 e recebeu os prêmios de melhor filme de ficção – pelos júris oficial e popular –, atriz, ator coadjuvante, roteiro, trilha sonora e montagem no Festival de Paulínia de 2010. Roteirizou, dirigiu e editou diversos curtas- metragens. Atualmente, cursa Cinema na Universidade Estácio de Sá e Direção Cinematográfica na Escola de Cinema Darcy Ribeiro.

Born in Cidade de Deus (a place made famous by the film City of God), at the Western Zone of Rio de Janeiro, starting his career in 2005, as a promoter of the project Cinema para Todos (Cinema for Everybody). He is a co-director, in partnership with Manaíra Carneiro, who made Fonte de Renda, which is one of the episodes from the full feature Cinco Vezes Favela – Agora por Nós Mesmos (2010), a movie made by people who came from the poorest communities of Rio de Janeiro. Produced by Cacá Diegues and Renata Almeida Magalhães, this film was chosen by the official selection of the 2010 Cannes Festival, and was awarded the prizes for best fiction film – by the official and popular jury – actress, supporting actor, screenplay, soundtrack and editing at the Festival de Paulínia, in 2010. He has written, directed and edited various short films. Currently, he is studying Cinematography at Universidade Estácio de Sá and Cinematographic Direction at Escola de Cinema Darcy Ribeiro.


Dani Lima

DANI LIMA
DANÇA / DANCE

A bailarina e coreógrafa foi fundadora da Intrépida Trupe, grupo que integrou por treze anos. Em 1997, criou sua própria companhia, com a qual tem realizado espetáculos, residências e workshops por todo o Brasil – em eventos como Festival Panorama, riocenacontemporanea, Bienal Sesc de Dança/Santos, Porto Alegre em Cena e Festival de Londrina – e também na Europa – Europalia.Brasil, Play! Leipzig, Move Berlim, Four Days in Motion (Praga), entre outros. Suas montagens Piti (1998), Nato (1999), Digital Brazuca (2001), Vaidade (2001), Falam as Partes do Todo? (2003), Vida Real em 3 Capítulos (2006-2007) e Pequeno Inventário de Lugares-Comuns (2009) mereceram destaque da crítica especializada como os melhores espetáculos de dança de seus respectivos anos. Formada em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e mestre em Teatro pela Uni-Rio, publicou os livros Corpo, Política e Discurso na Dança de Lia Rodrigues (2007) e GestoPráticas e Discursos (2013). Integra desde 2001 o corpo docente da Faculdade de Dança da UniverCidade, no Rio de Janeiro.

This ballerina and choreographer was a founder of Intrépida Trupe, a group of which she was part for 13 years. In 1997, she created her own company, with which she made performances, artistic residencies and workshops all over Brazil – in events like Festival Panorama, riocenacontemporanea, Bienal Sesc de Dança/Santos, Porto Alegre em Cena and Festival de Londrina – and also in Europe – Europalia.Brasil, Play! Leipzig, Move Berlim, Four Days in Motion (Prague), among others. Her stage productions Suas montagens Piti (1998), Nato (1999), Digital Brazuca (2001), Vaidade (2001), Falam as Partes do Todo? (2003), Vida Real em 3 Capítulos (2006-2007) and Pequeno Inventário de Lugares-Comuns (2009) were celebrated by the specialized critics as the best dance performances in the respective years they were made. Graduated in Journalism by the Pontifícia Universidade Católica of Rio de Janeiro and Masters in Theater by Uni-Rio, she has published the books Corpo, Política e Discurso na Dança de Lia Rodrigues (2007) and Gesto – Práticas e Discursos (2013). Since 2001, she is part of the academic staff of Faculdade de Dança da UniverCidade (Dance Faculty of UniverCidade), in Rio de Janeiro.


Clara Meliande

CLARA MELIANDE
DESIGN

A designer e curadora tem formação em Comunicação Visual e mestrado em Design, Teoria e Crítica. Em 2013, fez parte do Autumn Curatorial Residency Program, projeto de residência artística do Node Center for Curatorial Studies, em Berlim, onde ficou por três meses e desenvolveu uma exposição que explorava o papel do curador como tradutor. Como designer independente, Clara tem se envolvido em projetos colaborativos voltados para edição, educação, curadoria e crítica de design, como Escola Aberta (2012) e Editora Temporária (2013). Entre 2013 e 2015, morou na Bélgica, onde trabalhou como designer e pesquisadora, além de colaborar com a equipe de curadores do Design Museum de Gent. Tendo trabalhado em diversos estúdios do Rio de Janeiro, Clara gosta de pensar exposições como meios para discutir assuntos como a verdade histórica e os papéis políticos do design.

This designer and curator graduated in Visual Communication and in Design, Theory and Criticism. In 2013, she was part of Autumn Curatorial Residency Program, a project of artistic residencies from Node Center for Curatorial Studies, in Berlin, where she stayed for 3 months and developed an exhibition. Between 2013 and 2015, she lived in Belgium, where she worked as an independent designer and researcher, besides working together with the team of curators of the design museum of Gent. Having worked for various studios in Rio de Janeiro, Clara likes to think about exhibitions as ways to discuss issues like the historical truth like and the political roles of design.


Lucas Viriato 2

LUCAS VIRIATO
LITERATURA / LITERATURE

O carioca é formado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. É mestre em Literatura Brasileira pela mesma universidade, na qual cursa atualmente o doutorado em Literatura. Desde 2006, edita o jornal literário Plástico Bolha, que já publicou centenas de escritores e poetas, entre novos e consagrados. Lançou Memórias Indianas (2007), Retorno ao Oriente (2008), Contos de Mary Blaigdfield, a Mulher que Não Queria Falar sobre o Kentucky – E Outras Histórias (2010), Antologia de Prosa Plástico Bolha (2010), Curtos e Curtíssimos (2012), Muestras (2013), Corpo Pouco (2013), Antologia de Poesia Plástico Bolha (2014) e Blue (2015). Após passar pelo evento CEP 20.000, no qual trabalhou com o poeta Chacal, organizou o Labirinto Poético e o Estação Nordeste. Seu trabalho mais recente é a curadoria da exposição Poesia Agora, no Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo. Já participou de diversos festivais de poesia pela América Latina e recebeu, em 2012, o prêmio Agente Jovem de Cultura, concedido pelo Ministério da Cultura. Está com dois livros no prelo: Nepal Legal e Índia Derradeira, ambos para 2016.

This Rio de Janeiro native graduated in Languages from Pontifícia Universidade Católica of Rio de Janeiro and has a Masters from that course at the same university, where he is currently doing a doctorate in Literature. Since 2006, he edits the literary journal Plástico Bolha, which has already published hundreds of writers and poets, both new and already celebrated. He launched Memórias Indianas (2007), Retorno ao Oriente (2008), Contos de Mary Blaigdfield, a Mulher que Não Queria Falar sobre o Kentucky – E Outras Histórias (2010), Antologia de Prosa Plástico Bolha (2010), Curtos e Curtíssimos (2012), Muestras (2013), Corpo Pouco (2013), Antologia de Poesia Plástico Bolha (2014) and Blue (2015). After having worked with the poet Chacal at the event CEP 20.000, he organized Labirinto Poético and Estação Nordeste. His most recent work is the curatorship of the exhibition Poesia Agora, at Museu da Língua Portuguesa, in São Paulo. He has already participated in various poetry festivals all over Latin America and has been awarded, in 2012, the prize Agente Jovem de Cultura, given by the Ministério da Cultura. He has two books in the oven: Nepal Legal and Índia Derradeira, both due in 2016.


Floriano Romano - Foto Gisele Camargo

FLORIANO ROMANO
MÚSICA / MUSIC

Formado em Artes Visuais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, trabalha na criação de obras que combinam instalação, performance e som – intervenções urbanas e sonoras, abertas à participação e produzidas com o auxílio do próprio público. Em 2011, participou da Mostra Panorama da Arte Brasileira e desenvolveu o projeto INTRASOM, com quatro ações no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Integrou a coletiva Voces Diferenciales em Cuba e a 7ª Bienal do Mercosul, em 2009, além de mais de uma centena de exposições desde 2000. Foi o criador do programa de rádio Oinusitado, ponto de encontro da cena de arte sonora carioca entre 2002 e 2004. Entre os prêmios recebidos por suas instalações sonoras estão: Projéteis de Arte Contemporânea, Marcantonio Vilaça e Interações Estéticas. Atualmente, é professor da Escola de Belas Artes da UFRJ.

Graduated in Visual Arts by the Federal University of Rio de Janeiro, works in the creation of works that mix installation, performance and sound – urban and sound interventions, open to the public’s participation and produced with the help of the audience. In 2011, he was part of the Mostra Panorama da Arte Brasileira and has developed the project INTRASOM, with four activities at the Museum of Modern Art of Rio de Janeiro. He took part of the collective Voces Diferenciales, in Cuba, also of the 7 th Mercosur Biennial, in 2009, plus more than a hundred exhibitions since 2000. He was the creator of the daily radio show Oinusitado, a meeting point for Rio de Janeiro’s sound art scene between 2002 and 2004. Among the prizes awarded for his sound installations are: Projéteis de Arte Contemporânea, Marcantonio Vilaça and Interações Estéticas. Currently, he is a Professor at the Escola de Belas Artes of the Federal University of Rio de Janeiro (UFRJ).


Julio Parente

JULIO PARENTE
NOVAS MÍDIAS / NEW MEDIA

Formado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro em 2012, o designer se interessa pelos campos da música, artes visuais e tecnologia. Nos últimos meses, tem trabalhado com projetos que incluem montagem de exposições multimídia, projeções e vídeo-cenários para shows, festas e peças de teatro por todo o Brasil.

Graduated from Pontifícia Universidade Católica of Rio de Janeiro in 2012, he is interested in the fields of music, visual arts and technology. These past few months, he has been working with projects that include putting together multimedia exhibitions, projections and video-stages for shows, parties and theater plays all over Brazil.


Pedro Kosovski_2

PEDRO KOSOVSKI
TEATRO / THEATRE

Dramaturgo, ator e diretor, o carioca se formou na escola de teatro O Tablado, onde atualmente é professor. Formou-se em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, onde também concluiu seu mestrado e atualmente é professor da pós-graduação. Desde 2005, integra Aquela Companhia, como autor e ator. Entre seus trabalhos mais recentes destacam-se Outside (2011), indicado ao Prêmio Questão de Crítica na categoria Dramaturgia e ao Prêmio APTR na categoria Melhor Texto, além de vencedor do Prêmio FITA pelo texto; Cara de Cavalo (2012), indicado aos prêmios Shell e Questão de Crítica pelo texto; e Caranguejo Overdrive (2015), que lhe rendeu os prêmios APTR, Cesgranrio e Shell.

Playwright, actor and director, this Rio de Janeiro-born artist graduated from the theater school O Tablado, where he currently teaches as well. He also graduated in Psychology at the Pontifícia Universidade Católica of Rio de Janeiro, where he concluded his Master’s degree as well and where he is currently a Postgraduate Professor. Since 2005, he is a member of Aquela Companhia, as author and actor. Among his most recent works stand out Outside (2011), nominated for the Prêmio Questão de Crítica awards in the category Dramaturgy and to the APTR prize in the category of Best Text, besides winning the FITA prize for text; Cara de Cavalo (2012), nominated for the Shell and Questão de Crítica awards also for this text; and Caranguejo Overdrive (2015), which led him to get the APTR, Cesgranrio and Shell awards.


Patrick Pessoa)

PATRICK PESSOA
TEATRO DOC / THEATRE DOC

Patrick Pessoa é doutor em Filosofia pela UFRJ/Universität Potsdam e professor do Programa de Pós-Graduação e do Departamento de Filosofia da UFF. É editor da Revista VISO: Cadernos de Estética Aplicada (www.revistaviso.com.br) e atua como crítico teatral na Revista Questão de Crítica (www.questaodecritica.com.br). Em 2008, publicou “A segunda vida de Brás Cubas: A filosofia da arte de Machado de Assis” (Ed. Rocco), finalista do prêmio Jabuti de Teoria e Crítica Literária. Em 2013, em parceria com Alexandre Costa, publicou “A História da Filosofia em 40 Filmes” (Nau Editora). Assinou a tradução e a dramaturgia dos espetáculos “Na selva das cidades”, de Brecht, dirigido por Aderbal Freire-Filho (2011), e “Oréstia”, de Ésquilo, dirigido por Malu Galli e Bel Garcia (2012). Em 2014, em parceria com o diretor Marcio Breu, escreveu a peça “Nômades”. Em 2015, em parceria com Alexandre Costa, escreveu a peça “Labirinto” (2015), dirigida por Daniela Amorim. Em 2016, em parceria com o diretor Adriano Guimarães, escreveu a peça “O imortal: um ensaio”.

Patrick Pessoa has a doctorate in Philosophy from Rio de Janeiro’s Federal University (UFRJ) and Universität Potsdam. He is a Professor at the Philosophy Department of UFF and member of the Post-graduate program in Philosophy at the same university. He is the Editor of magazine VISO: Cadernos de Estética Aplicada  (www.revistaviso.com.br) and he acts as a theater critic for the magazine Questão de Crítica (www.questaodecritica.com.br). In 2008, published “A segunda vida de Brás Cubas: a filosofia da arte de Machado de Assis” (Editora Rocco), a finalist of the Jabuti award for Literary Theory and Criticism. In 2013, in partnership with Alexandre Costa, he published the book “A História da Filosofia em 40 Fimes”, by NAU Editora. He worked as a translator and dramaturgist for the plays “Na Selva das Cidades”, by Bertold Brecht, directed by Aderbal Freire-FIlho (2011) and Aeschylus’ “Orésia”, directed by Malu Galli and Bel Garcia (2012). I. In 2015,in partnership with Alexandre Costa, he wrote the play “Labirinto”, directed by Daniela Amorim. In 2016, in partnership with director Adriano Guimarães, he wrote the play “O imortal: um ensaio”.


ARTISTA CONVIDADA / INVITED ARTIST

ClaraCavourfoto perfil

CLARA CAVOUR

Clara Cavour é jornalista, filmmaker independente e mestranda no programa de Literatura, Cultura e Contemporaneidade da PUC-Rio. Foi repórter do Jornal do Brasil e desde 2008 trabalha como filmmaker. Diretora de documentários musicais e videoclipes, Clara desenvolve também o trabalho autoral Retratos, uma série de retratos filmados de pessoas do tempo presente.

Clara Cavour is a journalist, independent filmmaker and she is doing a Masters in Literature, Culture and Contemporaneity at PUC-Rio. She was a reporter for Jornal do Brasil and since 2008 works as a filmmaker. She directed musical documentaries and video clips. Clara also develops the work Retratos, a series of filmed pictures of people in the present time.